Praias do Rio de Janeiro receberão 80 novas câmeras para monitoramento

A Prefeitura e as Polícias Civil e Militar instalarão os equipamentos nos bairros de Copacabana e do Leme; projeto deve ser ampliado e deve chegar a outros bairros da cidade

Compartilhe

Receba nossa newsletter
Junho de 2017 Edição do Mês

Da Redação


 

A Prefeitura do Rio de Janeiro, por meio da Secretaria Municipal de Ordem Pública (Seop), e em parceira com as Polícias Civil e Militar do Rio de Janeiro, deve implantar nessa semana um projeto piloto de vigilância que prevê a instalação de 80 novas câmeras de monitoramento nos bairros de Copacabana e do Leme, na zona sul da cidade.

Com isso, o total de câmeras de segurança nas duas regiões deve chegar a 120, com o reforço de outras 40 que já são utilizadas para o controle do trânsito. Segundo a prefeitura, as câmeras terão como objetivo ajudar como provas de inquéritos como para o reconhecimento de suspeitos e para acionar a polícia em casos de assaltos e outros tipos de crimes. Equipes da Guarda Municipal atuarão 24 horas por dia em conjunto com o videomonitoramento.

A estrutura deve servir de experiência para a implantação de equipamentos de segurança em outros bairros da cidade, como Tijuca, Grajaú e Vila Isabel. Já no bairro da Lapa foi realizada a integração de um sistema de câmeras ligado ao Centro de Operações Rio (COR).

Segundo o jornal O Dia, também deverão ser realizadas parcerias com comerciantes e empresários para aumentar o número de câmeras utilizadas no monitoramento da cidade por meio do Projeto Sociedade Mais Segura (S+S). A ideia é que 275 câmeras da iniciativa privada passem a fazer parte do Centro de Controle Operacional da Guarda Municipal. Desde março, por exemplo, 12 câmeras da iniciativa privada já são utilizadas pela segurança pública para monitoramento no bairro da Lapa.

Notícias Relacionadas